3 de jul de 2010

Oceano

Djavan

Assim
Que o dia amanheceu
Lá no mar alto da paixão,
Dava prá ver o tempo ruir
Cadê você?
Que solidão!
Esquecera de mim?

Enfim,
De tudo o que
Há na terra
Não há nada em lugar
Nenhum!
Que vá crescer
Sem você chegar
Longe de ti
Tudo parou
Ninguém sabe
O que eu sofri...

Amar é um deserto
E seus temores
Vida que vai na sela
Dessas dores
Não sabe voltar
Me dá teu calor...

Vem me fazer feliz
Porque eu te amo
Você deságua em mim
E eu oceano
E esqueço que amar
É quase uma dor...
Só sei viver
Se for por você!





Ao som de Chico César(Pétala por pétala) 
Lindíssima canção que na voz de Chico fica acariciada.
Foto: words_of_love_by_oprisco

Um comentário:

A.S. disse...

Nane...

O oceano tem sempre os braços abertos para receber todas as águas...

BeijO
AL

Related Posts with Thumbnails